18 de nov de 2008

Not that there's anything wrong with that

Parece que está um auê porque a Marina Lima disse que perdeu a virgindade com a Gal Costa quando a Marina tinha 17 anos.

Grande coisa. Isto só prova que:

1 - O povo ainda se surprende com cada coisa. Tá certo que a Marina tentava pagar de gostosa e hétero nos anos 80 e 90 mas...

2 - A quantidade de cantoras heterossexuais de MPB que fizeram sucesso em determinado período (qualquer período) dá para encher uma Kombi. Ou uma Towner.

Não que haja nada errado com isto! /by Seinfeld

A entrevista da Marina Lima para a revista Joyce PascoWitch (seria ela a bruxa da Páscoa?) está aqui. Ela malha a caretice de Sampa, revela que se envolveu com um homem, transou com ele e não rolou legal devido a inexperiência em ter sexo... com homem. Também revela que ficou com outras cantoras - novidade!

O post da Marina comentando as reações à entrevista no blog dela aqui.

Eu só lembrei de duas canções:


Você precisa é de um homem prá chamar de seu,
mesmo que esse homem seja eu...




Baby, você precisa aprender Inglês,
precisa aprender o que eu sei,

e o que eu não sei mais, e o que eu não sei mais...

Um comentário:

Teen Marie Antoinette disse...

Adorei isso:

"Nirvana mudou a minha relação com o rock. Estava muito cansada de rock, achando uma coisa chata, de gente branca, metida a pureza, careta, sabe? A entrada do Nirvana na cena sujou o rock de novo. E, no Brasil, essa onda de samba o tempo inteiro, acho um pouco chata."